Antonio Fagundes revela detalhe triste da infância sobre o pai falecido

10
Antonio Fagundes no Altas Horas (Foto: Globo)
Antonio Fagundes no Altas Horas (Foto: Globo)

Nesse domingo (12), comemoramos o Dia dos Pais. Por isso, o Altas Horas deste sábado (11) foi mais que especial e teve como tema a data comemorativa. Quem esteve no programa foi o ator Antonio Fagundes, que falou da relação distante que teve com o pai na infância.

Tive pouco contato com meu pai. Minha mãe separou quando eu era muito pequenininho. Ele já faleceu”, revelou o ator. Esse distanciamento não impediu que Fagundes tivesse uma relação bastante próxima com os filhos. “Eu tive muito contato com os meus filhos. A gente se curte muito. Todo ano pelo menos uma grande viagem. São quatro filhos: a Dinah, a Diana, o Antonio e o Bruno”, contou.

+Após Daciolo em debate, internautas ressuscitam música de Xuxa sobre “URSAL”

Quem também falou sobre a relação com o pai foi Tadeu Schmidt. “O meu pai foi uma grande influência na minha vida porque ele me passou e passou para os meus irmãos as coisas mais importantes. Ele não deixou herança, mas ele deixou valores. Meu pai era um cara muito sério, filho de alemão, militar, então lá em casa era tudo muito rígido. E eu gosto muito dessa mensagem que ele passou pra gente, de ser correto, de seguir as regras”, revelou o jornalista.

Tadeu Schmidt (Foto: Globo)
Tadeu Schmidt (Foto: Globo)

A pessoa mais correta que eu conheci na vida foi meu pai. Isso ele passou para mim e eu procuro passar para as minhas filhas. Na função de pai, costumo dizer para quem acaba de ter um filho: ‘Meus parabéns! A vida começa agora’. Muda tudo. A gente olha para trás e pensa: a gente achava que era feliz. Depois que vêm os filhos, a gente vê que agora é muito mais feliz”, finalizou.

Facebook Comentarios