Candidatura de Fernando Haddad já começou a ser fritada pelo próprio PT

7
Resultado de imagem para Fernando Haddad

Haddad tenta substituir Lula, mas não consegue

Merval Pereira
O Globo11

Há juízes que já declararam publicamente que o registro da candidatura de Lula não pode ser aceito porque ele não cumpre os requisitos necessários – é condenado em segunda instância, em órgão colegiado. O ministro Admar Gonzaga já declarou que não se deve nem receber o pedido de candidatura; Luiz Fux também já disse que Lula tem a inelegibilidade da candidatura “chapada”. Mas outros ministros acham que deve se dar direito de defesa – neste caso, o Tribunal Superior Eleitoral aceitaria o pedido e analisaria os recursos.

Mas acredito que o candidato do PT não será Lula, e talvez nem o Haddad, que já está sendo fritado dentro do partido. Alguns petistas nem querem que ele apareça, para deixar Lula como protagonista até o último minuto.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Muito interessante a observação de Merval Pereira, mas precisa de tradução simultânea. Quando ele diz que alguns ministros acham que Lula deve ter direito de defesa, está se referindo a Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli e Gilmar Dantas, digo, Mendes. Mas todos os ministros, incluindo esses três mosqueteiros, sabem muito bem que Admar Gonzaga está certíssimo – a candidatura de Lula não pode ser aceita, porque um dos documentos exigidos pela Lei Eleitoral é a Certidão Negativa da Justiça Federal, que o suposto candidato petista só poderá obter caso seja inocentado pelo Superior Tribunal de Justiça (o que é praticamente impossível, pois acaba de ser novamente derrotado na Quinta Câmara do STJ por unanimidade) ou pelo Supremo, que nem tenciona julgá-lo antes da eleição. Quanto ao fato de Haddad estar sendo fritado dentro do PT, não há a menor novidade – o partido é uma espécie de “Clube do Bolinha”, em que todos têm de estar submissos a Lula da Silva, o novo Rei Sol (“depois de mim, o dilúvio”…). (C.N.)

Facebook Comentarios